img_20681

Talento, competência e muita emoção  trouxe o VII Encontro Surdez e Cidadania, que ocorreu no dia dos surdos 26.09.2016, na cidade de Ibiporã – PR, organizado pela Apasi (Associação de Pais e Amigos surdos de Ibiporã),  Caesmi (Centro de Atendimento Especializado na área de Surdez no Município de Ibiporã) e secretaria de educação, foi um dos eventos mais especiais que tive a honra em participar!

A quantidade da plateia me surpreendeu: mais de 500 pessoas! Uaaauu! Fiz a palestra “Trajetória do Silêncio” na parte da manhã, relatei sobre a minha história de vida, de como tudo começou e como consegui chegar até aqui, tendo os meus dois métodos de comunicação: a oralização e a LIBRAS!

Na parte da tarde, teve outra palestra espetacular sobre Surdez e Educação, feito por Luiz Renato Martins da Rocha, tradutor/intérprete de LIBRAS e professor, ele trouxe muitos ensinamentos sobre a importância da inclusão do aluno surdo em sala de aula, a comunicação entre o aluno surdo e o professor, que não seja somente o intérprete de LIBRAS como mediador entre eles. Toda esfera da educação inclusiva voltada para unir todos os profissionais de educação, intérprete de LIBRAS e o aluno surdo. Achei muito interessante!

E por último, teve uma apresentação belíssima do Grupo de Dança Vibr”Ação”  “Metamorfose das Borboletas”, formado pelos alunos do CAESMI e APASI compostos por 104 alunos, entre eles surdos, alguns portadores de autismo e outros com cadeira de rodas, este espetáculo foi a chave de ouro para fechar o dia, a imensidão do público aplaudiu de pé, e cheguei a ouvir o som dos aplausos que pareciam ecoar entre as paredes, a emoção contagiou a todos! Foi liiiindo demais!!! Indescritível!!!

A mensagem que nos traz é que todos nós somos borboletas, cada um com a sua cor, cada um com sua maneira de voar, mas podemos ir além do que imaginamos!

Parabéns à professora de dança Cláudia Eccard que foi responsável pelo espetáculo Metamorfose das Borboletas, que vem reunindo seus alunos com total dedicação na inclusão mostrando o quanto nós podemos alçar grandes voos. Parabéns à Ivete Pereira Semprebom, coordenadora da APASI e diretora interina do CAESMI que conduziu todo o evento com amor e carinho, que fez todos se emocionarem a cada instante! Impossível não chorar!

Ah, não posso deixar de descrever aqui, a música de Luciana Mello que tocou no espetáculo:

Borboletas

“Um dia eu tive a chance de ter ao meu alcance
O que fez transformar
Sonho em realidade, escuridão em brilho no olhar
Eu vi que na verdade
A dor um dia pode ter fim
Achei a liberdade, ela tava dentro de mim
O meu coração me diz
Agora eu já sou feliz
Voei para bem longe como eu sempre quis”

Nos dias 04 e 18 de Novembro de 2016, terá mais amostras de apresentação da Metamorfose das Borboletas em Ibiporã, no Cine Teatro Padre José Zanelli, na Av. Dom Pedro II, 3268 – Centro, Ibiporã.

E no próximo ano terá VIII encontro! Não percam!

Meus aplausos intermináveis para este evento e ao espetáculo maravilhosos!! Parabéns!!!